CONTACTOS

INVESTIGADORES

Membros Integrados

Maria Antónia Lopes

Maria Antónia LopesEMAIL

lopes.mariantonia@gmail.com

 

FORMAÇÃO ACADÉMICA

Agregação em Letras na especialidade de História Moderna e Contemporânea pela Universidade de Coimbra, defendida em 2008.

 

LICENCIATURA

Licenciatura História pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra em 1982.

 

MESTRADO

Mestrado em História Moderna, pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, com a tese Mulheres, espaço e sociabilidade. A transformação dos papéis femininos em Portugal na segunda metade do século XVIII, defendida em 1988 e publicada em 1989.

 

DOUTORAMENTO

Doutoramento em Letras na especialidade de História Moderna e Contemporânea pela Universidade de Coimbra com a tese Pobreza, assistência e controlo social em Coimbra (1750-1850), defendida em 2000 e publicada no mesmo ano.

 

CATEGORIA PROFISSIONAL

Professora Auxiliar com Agregação, FLUC

 

PRINCIPAIS DOMÍNIOS DE INVESTIGAÇÃO

  • História social de Portugal dos sécs. XVIII-XX, nomeadamente: mulheres, crianças, pobres, políticas sociais, vida privada, relações dinásticas.

 

 

Publicações
Projetos e Redes de Investigação
Orientações
Prémios e Distinções

Protecção Social em Portugal na Idade Moderna, Coimbra, Imprensa da Universidade de Coimbra, 2010. Esgotado. Com 2ª edição em 2015.

 

Rainhas que o povo amou: Estefânia de Hohenzollern e Maria Pia de Saboia, Lisboa, Círculo de Leitores, 2011 e Lisboa, Temas e Debates, 2013.

 

Portugal e o Piemonte. A Casa Real portuguesa e os Sabóias. Nove séculos de relações dinásticas e destinos políticos (sécs. XII-XX), coord. com Blythe Alice Raviola, Coimbra, Imprensa da Universidade de Coimbra, 2012. Esgotado. Com 2ª ed. em 2013.

 

D. Fernando II, um rei avesso à política, Lisboa, Círculo de Leitores, 2013.

 

Portogallo e Piemonte. Nove secoli (XII-XX) di relazioni dinastiche e politiche, coord. com Blythe Alice Raviola, Roma, Carocci Editore, 2014.

Portugaliae Monumenta Misericordiarum, 2001-, do Centro de Estudos de História Religiosa da Universidade Católica Portuguesa de Lisboa (CEHR). Em curso, com 10 vols. publicados.

 

E-96/06, Mulheres, Família e Património, 2006-2008, aprovado e financiado pelo CRUP.

História da Vida Privada em Portugal, dirigido por José Mattoso e sediado no Círculo de Leitores, 2008-2012. Objetivos cumpridos, com a publicação de todos os volumes previstos.

 

Rainhas consortes de Portugal (biografias), dirigido por Ana Maria Rodrigues, Isabel Sá e Manuela Santos Silva, sediado no Círculo de Leitores, 2008-2014. Objetivos cumpridos, com a publicação de todos os volumes previstos.

 

E-138/10, Mobilidades: população, sociedades, produtos e culturas (séculos XVI-XX), 2010-2011, aprovado e financiado pelo CRUP.

 

Colección de Historia Religiosa, Madrid, Hispania Sacra/VisiónNet Grupo Editor – membro do comité científico permanente, convidada em Novembro de 2011, ao constituir-se o projeto. Em curso, com vários livros publicados.

 

Membro permanente do Comité Asesor (Avaliadores permanentes) da Revista de Escritoras Ibéricas, Madrid/Lisboa, UNED e UL. Convidada pelos membros fundadores ao constituir-se o projeto em outubro de 2012.

 

Preservar e divulgar 350 anos de história: o arquivo da Venerável Ordem Terceira da Penitência de S. Francisco da Cidade de Coimbra – membro da equipa responsável. Projeto com candidatura aprovada e financiada pela Fundação Calouste Gulbenkian em Julho de 2012 no concurso a “projetos de recuperação, tratamento e organização de acervos documentais com relevante interesse histórico, cultural e científico”. Datas de execução: 1 de agosto de 2012 a 30 de julho de 2013.

 

Membro do Projeto Animais na História de Portugal, coordenado por Isabel e Paulo Drumond Braga e financiado pelo Círculo de Leitores, 2013-. Com data prevista da publicação em 2015.

 

Membro do Projeto Obras Pioneiras da Cultura Portuguesa, coordenado por Carlos Fiolhais e José Eduardo Franco e financiado pelo Círculo de Leitores, 2015-

Tese de Mestrado em História Moderna de Luís Filipe Elias subordinada ao tema A Misericórdia de Coimbra. Os Irmãos, as suas práticas e a intervenção régia (1749-1784). A dissertação foi defendida na FLUC a 9 de Janeiro de 2007, sendo aprovada com Muito Bom por unanimidade.

 

Tese de Mestrado em História Moderna de Manuel Gomes Duarte Ferreira subordinada ao tema A Santa Casa da Misericórdia de Mértola (1674-1834). A dissertação foi defendida na FLUC a 15 de Janeiro de 2009, sendo aprovada com Muito Bom por unanimidade.

 

Tese de Mestrado em História Moderna: Poderes, Ideias e Instituições de Leonor do Céu Pinheiro da Rocha Diniz. Título da tese: A protecção à infância abandonada em tempos de conflito: os expostos em Trancoso (1803-1825). A dissertação foi defendida na FLUC a 26 de Janeiro de 2012, sendo aprovada por unanimidade com a classificação de 19 valores.

 

Tese de Mestrado em História Contemporânea: Economia, Sociedade e Relações Internacionais de Tiago Manuel Rodrigues Cubeiro. Título da tese: A assistência à infância em Torres Novas: estudo dos subsídios de lactação concedidos pela Câmara Municipal (1873-1910). A dissertação foi defendida na FLUC a 23 de Fevereiro de 2012, sendo aprovada por unanimidade com a classificação de 17 valores.

 

Tese de Mestrado em Estudos Feministas de Chrystiane Castellucci Fermino. Título da tese: As Mulheres nas Constituições e nos Códigos Civis portugueses e brasileiros dos séculos XIX e XX. A dissertação foi defendida na FLUC a 20 de julho de 2012, sendo aprovada por unanimidade com a classificação de 16 valores.

 

Tese de Mestrado em Estudos Feministas de Elen Biguelini. Título da tese: Uma união de mentes – casamento e educação das mulheres na Inglaterra de Jane Austen e Elizabeth Inchbald. A dissertação foi defendida na FLUC a 9 de novembro de 2012, sendo aprovada por unanimidade com a classificação de 17 valores.

 

Tese de Doutoramento em Letras, área de História, especialidade de História Contemporânea, da Mestre Maria Rosa de Morais Tomé subordinada ao tema Justiça e Cidadania infantil em Portugal (1820-1978) e a Tutoria de Coimbra. A dissertação foi defendida a 8 de julho de 2013 na Sala dos Capelos da Universidade de Coimbra, tendo sido aprovada com a nota máxima: distinção e louvor por unanimidade.

 

Tese de Mestrado em História Contemporânea de Ana Maria Diamantino Correia. Título da tese: A assistência médica no concelho de Coruche: instituições, agentes e doentes (1820-1910). A dissertação foi defendida na FLUC a 16 de outubro de 2013, sendo aprovada por unanimidade com a classificação de 18 valores.

 

Tese de Mestrado em História, ramo de História Contemporânea, de Ana Margarida Dias da Silva. Título da tese: O Hospital e Asilo da Venerável Ordem Terceira da Penitência de São Francisco de Coimbra (1851-1926). A dissertação foi defendida na FLUC a 13 de outubro de 2014, sendo aprovada por unanimidade com a classificação de 19 valores.

 

Tese de Mestrado em História, ramo de História Contemporânea, de Soraia Cristina da Silva Pimentel. Título da tese: Emigrar em tempos de guerra. A emigração no distrito de Coimbra em 1914-1918. A dissertação foi defendida na FLUC a 15 de outubro de 2014, sendo aprovada por unanimidade com a classificação de 16 valores.

Prémio Maria Margarida Cruz Brandão (1ª edição deste Prémio) atribuído a obras de investigação histórica pelo livro Pobreza, assistência e controlo social em Coimbra (1750-1850), Coimbra/Viseu, CHSC/Palimage, 2000.